Home > Notícias
17/10/2016

Desfiles internacionais primavera-verão 2017

PRADA 
Segundo explicação da designer Miuccis, essa é uma coleção feita de peçasque trazem uma elegância moderna feita de contrastes e de elementos de ruptura como o maiô usado com a gola alta ou o conjunto tipo pijama com as bordas em marabou. Uma coleção que indaga profundidade na procura de uma simplicidade confortante, sondando as profundezas de um guarda-roupa burguês encharcado de uma elegância pouco convencional que subverte e que dita as novas regras da vestimenta do “aqui e agora”. 


EMILIO PUCCI 
O mundo do esporte é reinterpretado na coleção de primavera-verão 2017 e vira peças práticas e dinâmicas. Assim surgem vestidos longos coloridos, trench coats com estampas de arquivo e mini vestido incrustados com lantejoulas. Uma moda que aposta em cores fortes e tecidos leves, como pedem os dias de calor.


GUCCI
A Gucci reinterpreta o passado com uma ótica totalmente pessoal. O designer escolhe códigos e estilos de diferentes épocas e linguagens. O resultado surpreende mais uma vez: os anos 70 convivem com o movimento punk, o Renascimento com a China, a nuance do masculino com o feminino. Tudo através de um processo que soma, mistura e cria.

Leia também:
O Nike que amarra sozinho
Quem compra mais sapatos no mundo?
Os tênis ganham modernos aplicativos
Cleto Sagripanti, presidente da Confederação Europeia do Calçado, fala sobre a China e a indústria calçadista na Europa