Home > Notícias
06/11/2014

WGSN aponta tendências do inverno 2015 e antecipa verão 2016

Durante a Maratona MUDE, realizada em Porto Alegre/RS, a especialista em tendências do WGSN, maior portal de pesquisa de moda e comportamento do mundo, Bruna Ortega, antecipou o que deve estar na lista de compras dos lojistas brasileiros quando a temporada inverno 2015 bater à porta. Segundo ela, as referências estão divididas em quatro temas.

Novo Minimalismo
O 'Novo Minimalismo' está retratado em ‘Luxe Casual’, por meio de tecidos requintados, uma cartela de cores sóbria, com tons pastel, cinza e azul-marinho. “Peles são artigos emergentes”, frisou. Os calçados não exibem muitos aviamentos e as bolsas oversized ganham destaque.

Noveau Bohemia
‘Noveau Bohemia’ tem o artesanato e a mistura de estampas étnicas oriundas do Peru e da África como elementos-chave. Tons terrosos, verdes e cores quentes como o laranja dividem a paleta com o branco.



Anos 1960
Os anos 1960 e a androginia característica do período são retomados em ‘Miss Mod’. O branco também tem espaço neste tema, mixado com preto e cores sóbrias. Calçados híbridos, como os que misturam mocassins e botas, simbolizam a inspiração. “Os desfiles da Gucci e de Yves Saint Laurent expressam perfeitamente a temática”, citou Bruna.

Outdoor Urban
O último tema abordado foi ‘Outdoor Urban’, em que a inspiração esportiva traz à tona novas modalidades, como o motocross e a paixão pelas bicicletas. Preto e branco somam-se a cores primárias. Acessórios com multibolsos, alças com elásticos e ganchos são marcantes. De acordo com a consultora, Marc by Marc Jacobs explorou a temática. Os tênis da Chanel também são exemplos.


Peças-chave
Bota over the knee: com canos superaltos, preferencialmente em camurça colorida. Saltos finos pedem bicos finos;
Bota cano longo: bem ao estilo anos 1960;
Bota slouch: modelagem com cano alto e aspecto volumoso;
Bota flat: famosa no varejo, também ganhou as passarelas;
Bota utilitária: com elementos que remetem aos tênis, reflete o estilo worker;
Bota chelsea: deve fazer sucesso com o público jovem, explorando cores chamativas e salto bloco;
Unkle boot: franjas e zíperes serão os adornos;
Peep toe bootie: cabedais mais altos e saltos finos;
Mule: deve ser explorado especialmente na região Nordeste;
Mocassim de salto alto: vem em cabedal metalizado e também com solado creeper;
Escarpim: sua atualização tem bico fino, glitter com nude e blocos de cores em meias patas;
Amarrações: surgem em saltos finíssimos e escarpins;
Tira T: ganha ares mais requintados;
Mary Jane: tem traços góticos ou multitiras;
Oxford: é o sinônimo da androginia;
Flatform masculina: construção reta combina com modelos invernais;
Slipper: deve vir com bico mais fino.


Bolsas da estação:
Com alça transversal: é peça básica para todas as marcas;
Shoulder bag: inspiração anos 1960, tons pastel com contornos em preto;
Minibolsa: versões menores de todos os modelos;
Lady Like: superfeminina, recebe toques mais divertidos por meio de cores;
Bolsa saco: tem toque esportivo nas alças em bolsos externos;
Shopper: misturas de materiais são novidade;
Holdall: antes restrita à academia, torna-se sofisticada com o uso do couro;
Mochila: deixa o ar esportivo para trás e ganha acabamentos lustrosos;
Redonda: pode ser delicada ou esportiva;
Pochete: é a união de cintos e clutchs.


Detalhes e acabamentos:
Solado tratorado;
Salto contrastante;
Salto curvado, banana ou vírgula;
Gáspea alta;
Franja kiltie;
Cap toe metalizado;
Decote cavado;
Ilhós utilitário;
Glitter;
Alça esportiva;
Franjas longas;
Bolso exterior para bolsas;
Cadeado para bolsas.


Trend alert verão 2016:
Bruna também antecipou os primeiros sinais das tendências em calçados para o verão 2016. Gladiadoras flat ou com salto alto são apostas, bem como o branco com toque esportivo, chinelos com tiras duplas, a mistura de saltos altos com cabedais esportivos e a essência dos anos 1970 em flatforms e mocassins.

Por: Camila Veiga | GBM Comunicação